A loja no final da rua

Sempre utilizo o exemplo de uma loja nova, montada em uma bela sala comercial, mas localizada no final de uma rua sem saída. Tudo pode estar muito bonito, tudo perfeito, ótimos atendentes, amplo estacionamento, produtos cobiçados pelo público, preços arrasadores, mas isso tudo não seria capaz de promover uma única venda. Por que? Simples! Onde estão os clientes? Eles não sabem que a loja existe e por isso nunca entrarão na sua loja! Provavelmente você resolveria o problema rapidamente com cartazes ou placas ao longo da via principal, anúncios nos mais diversos veículos de comunicação, enfim, tudo o que fosse necessário para trazer as pessoas para dentro do estabelecimento comercial. O comércio eletrônico funciona da mesma forma, mas por se tratar de um ambiente virtual, muitas pessoas acreditam que os clientes chegarão por conta própria, milagrosamente, e isso é um lamentável engano.

A primeira coisa a verificar em uma loja virtual que não vende ou vende pouco é seu tráfego, ou seja, a quantidade de pessoas que a visitam diariamente ou mensalmente na Internet.

Quando você lança um site, ninguém sabe que ele existe, e continuará assim até que você faça a devida divulgação. Não há como alguém encontrar sua loja, nem saber o que ela vende sem que seja feita alguma propaganda, da mesma forma que uma nova loja física instalada no final de uma rua sem saída estará sempre vazia, se não for feita alguma ação de marketing.

Conteúdo retirado do livro: Vender na Internet: Segredos para vender muito!